Login

Reparo de paredes: consertar rachaduras, emassar e pintar

Acompanhe aqui as técnicas que orientam a correção de rachaduras: passar massa, lixar e pintar paredes. Os reparos podem ser dentro ou fora de casa, evidentemente.

Corrigir rachadura ou fendas em paredes

Primeiramente é preciso preparar o local (rachadura ou fenda) para receber a massa-corrida.


Material necessário para corrigir fendas e rachaduras de paredes

Papel jornal ou plástico, chave de fenda ou espátula, pincel e pano.

1. Dependendo da extensão do conserto e do ambiente em que se vai fazer o serviço, os móveis devem ser protegidos com plásticos ou panos. O piso também deve ser forrado com jornal ou plástico.
2. Use uma chave de fenda ou outra ferramenta forte o suficiente
para abrir um pouco mais a rachadura, para que a massa possaser assentada.
3. Limpe a rachadura com um pincel seco, preparando o local para receber a massa.
4. Limpe a área de trabalho.

Passar massa – Emassar paredes

A massa serve como uma base para deixar a parede bem lisa. Se você aplicar tinta direto no reboco, a parede fica marcada e feia.

Como emassar paredes

Material necessário para emassar paredes

Massa-corrida PVA (para ambientes internos) ou massa-corrida acrílica (para ambientes externos), espátuladesempenadeira, lixa.

1. Prepare a quantidade de massa que será usada colocando-a na desempenadeira para facilitar o uso.
2. Aplique a massa no local preenchendo o espaço com o auxílio da espátula. Às vezes a rachadura é funda. Sendo assim, será preciso passar duas ou três camadas de massa num mesmo lugar, com intervalos de 15 a 30 minutos. A última camada, a do acabamento, tem de ser bem fininha.
3. Espere secar até o dia seguinte, para que a massa fique bem seca.
4. Lixe toda a área, deixando-a por igual.
5. Limpe a área de trabalho.

Talvez você se interesse por:  Tintas Para Parede: Composição e Tabela de Cores

Como lixar a parede

Se a parede estiver muito suja, é melhor passar a lixa em toda sua superfície. Se não, lixe somente os locais onde a massa foi passada.

Como lixar paredes

Assim, você estará preparando a parede para a pintura.

Material necessário para lixar paredes

Lixas de massa número 100, pano.

1. Comece lixando com cuidado, até que o local fique regular e bem liso. Regule a intensidade do movimento para não lixar demais.
2. Retire o pó com um pano limpo. Assim a superfície estará preparada para a pintura.
3. Limpe a área de trabalho.

Como pintar parede

Dependendo da extensão do conserto e do ambiente em que se fez o serviço, é preciso pintar a parede toda e não apenas o local onde a massa foi passada. A decisão deve ser tomada junto com os donos da casa.

Como pintar paredes

De qualquer forma, antes da pintura, a parede deve estar limpa e lisa para receber a tinta. Também é preciso analisar muito bem a tinta, pois existem as já preparadas e outras que precisam de misturas. Para fazer a mistura de forma correta, é fundamental seguir as instruções do fabricante (na embalagem ou no folheto), ou as orientações do atendente da loja em que a tinta foi comprada.

Como pintar paredes

Esta técnica de pintura serve também para paredes que não precisam de conserto, mas estão descascadas ou com a pintura desgastada.

Talvez você se interesse por:  Como Pintar Madeira com Verniz

Material necessário para pintar paredes

Tinta, rolo, bandeja para pintura, pincéis, removedor, fita crepe, papel jornal.

1. Proteja os móveis com plásticos, panos ou papéis, se for um ambiente interno. O chão também deve ser forrado com jornal ou plástico. Proteja os batentes de portas e janelas com fita crepe e retire os espelhos de luz, se necessário.
2. Se houver mofo na parede, antes de qualquer coisa, lave o local com uma solução de água sanitária e água. Misture 1 litro de água sanitária para cada litro de água. Com uma esponja, passe a solução na parede até retirar a mancha de mofo. Em seguida, enxágue passando um pano umedecido somente em água e deixe secar.
3. Com uma espátula, remova a tinta velha que estiver descascando ou formando bolhas. Cuidado para não atingir o reboco. Se isso acontecer, use massa-corrida para corrigir, obedecendo o processo descrito anteriormente.
4. Lixe a parede até que a tinta anterior perca o brilho. Isto é importante para garantir que a tinta nova se prenda à parede por mais tempo.
5. Elimine o pó da parede passando uma vassoura de pêlos limpa e depois um pano úmido.
6. Use rolo de pintura, com auxílio de uma bandeja, para superfícies maiores e pincel para acabamentos e cantos.
7. Molhe o rolo na parte mais funda da bandeja, onde está a tinta, e depois aperte-o na parte mais alta para retirar o excesso.
8. Passe o rolo na parede sempre no sentido de baixo para cima e de cima para baixo. Dê o retoque nos cantos com o pincel.
9. Espere a tinta secar para “dar a segunda demão”. Em geral, se aplica de duas a três demãos de tinta para que o serviço fique bem-feito. Deve-se esperar a tinta secar muito bem entre uma demão e outra – em geral, umas quatro horas.
10. Ao final, limpe todos os objetos usados. Para o que foi usado em tintas à base de água, lavar em água corrente. Para o que foi usado em tinta à base de óleo, utilize removedor.
11. Deixe toda a área de trabalho limpa.

Talvez você se interesse por:  Segurança do Pintor: Equipamentos de Proteção Individual
Reparo de paredes: consertar rachaduras, emassar e pintar
5 (100%) 2 votes

Envie este artigo para seus amigos!

Um Comentário

  1. Edson Pereira da Silva 2 de fevereiro de 2017

Add Comment