Ferramentas do Pintor: Pincéis

Ferramentas do pintor

Pincéis

Também chamados trinchas ou brochas, são os mais utilizados pelo pintor. São versáteis, fornecem acabamento uniforme, são confortáveis de segurar e fáceis de limpar, econômicos no uso de tinta, embora não o sejam do ponto de vista do tempo gasto para pintar. Se cuidados adequadamente podem durar longo tempo.
Podem ser de cerdas naturais ou sintéticas.


Os de cerdas naturais são preferidos para tintas a base de solventes (óleos e esmaltes). As cerdas naturais são absorventes de água e incham, tornando-se mais macias. Por isso não são indicadas para tintas a base de água, como látex. Os pincéis de cerdas naturais
devem ser limpos apenas com solventes.

Os pincéis sintéticos funcionam bem com todos os tipos de tinta, mas devem ser verificadas as instruções do fabricante. Podem ser limpos com água, quando usados com látex e devem ser limpos com aguarrás, quando usados com tinta óleo ou esmalte.

Ferramentas do pintor pincéis
Na compra de um pincel é importante verificar alguns indicadores de qualidade. As cerdas, por exemplo, devem (SENAI/SP, 2004):
  • Ter pontas abertas, para dar acabamento mais fino e uniforme,
  • Ter pontas flexíveis e voltar facilmente à sua forma original;
  • Ser mais curtas na parte externa e mais longas no centro, que proporciona melhor controle onde a tinta está sendo aplicada;
  • Ter comprimento 50% maior do que a largura do pincel. Por exemplo, num pincel de 50 mm, as cerdas devem ter 75 mm.
  • Se puxadas não devem ser removidas, a não ser uma ou outra. Não deve haver também falhas.

O pincel deve ser equilibrado e confortável na mão e o cabo não deve deslizar nem ser muito áspero.

Quanto ao tipo de pincel a ser utilizado, devem ser seguidas as seguintes recomendações (SENAI/SP, 2004):

  • Para grandes superfícies externas, pincel plano de 100 mm com largura de 20 a 25 mm;
  • Para paredes e forros interiores: largura de 75 mm;
  • Acabamentos nos cantos, pincel com bordas afuniladas;
  • Portas e janelas de madeira, pincel com largura de 25 a 65 mm.

No uso de pincéis são recomendados:

Umedecer ligeiramente com água antes de aplicar tinta látex;

  • Não carregar tinta demais no pincel. Mergulhar apenas um terço ou a metade do comprimento das fibras e depois passar o pincel pelo lado da lata;
  • A aplicação da tinta deve ser feita com o pincel inclinado 45 graus com a superfície e a tinta deve ser aplicada em passadas verticais longas em paredes e forros. Na pintura de madeiras, deve ser seguida a direção das suas fibras;
  • Pintar sempre na direção do molhado para o seco e depois voltar à área recém pintada e não o contrário (do seco para o molhado) , pois isso evitará marcas e produzirá um aspecto liso e uniforme.
  • Pincéis pequenos

    Ferramentas do pintor pincéis pequenosOs pincéis pequenos são utilizados para área de difícil alcance com pincéis comuns e rolos. Porém, não retém tanta tinta, nem são tão versáteis. Alguns são feitos de espuma e cortados na largura dos pincéis. São fornecidos em diferentes texturas, dependendo do efeito desejado.

    Add Comment