Profissão do Pedreiro: Noções Básicas

O pedreiro é o profissional da obra que atua na construção das etapas de fundação, paredes e acabamento. Ele deve ter conhecimento sobre o emprego de materiais, sobre ferramentas e equipamentos, sobre as técnicas utilizadas na construção, entre outros.


Deve saber construir vigas e pilares, levante de parede, revestimento de piso e paredes, etc. e como funciona um canteiro de obras e suas instalações. Ter noções sobre instalações de água, esgoto e instalações elétricas, saber ler e interpretar projetos e ter conhecimento sobre cálculos de área e volume são conhecimentos essenciais que completam a formação do pedreiro.

Noções básicas para a profissão do pedreiro

Nivelamento

Operação que consiste em transportar uma referência de nível marcada em uma determinada altura para outro local, estabelecendo assim um plano horizontal. Numa obra a referência de nível (marca) é estabelecida a 1,0 metro do nível do piso e transportada para as paredes dos outros cômodos. É através do nivelamento que marcamos as alturas da alvenaria, dos vãos de janelas e portas, do pé direito das alturas do piso e contrapiso na pavimentação.

A ferramenta utilizada para realizar o nivelamento é a mangueira de nível e no caso de vãos pequenos o nível de madeira.

Nivelamento com mangueira:

Profissão do pedreiro: nivelamento com mangueira

Alinhamento

Operação que consiste em posicionar numa mesma direção, através de uma linha, os elementos de uma construção.

Para se utilizar a técnica do alinhamento é necessário que esteja estabelecido o ponto inicial e final do mesmo e a partir daí fixar uma linha (linha de pedreiro) entre estes ponto.

Numa obra utilizamos este procedimento no levante de parede construindo as fiadas de blocos cerâmicos, no assentamento das mestras intermediárias dos revestimentos de parede e piso, etc.

Operação de alinhamento utilizado na construção da segunda fiada de uma alvenaria de bloco cerâmico:

Pedreiro: alinhamento de alvenaria

Esquadro

Operação que consiste em marcar os vãos de uma obra a um ângulo de 90° (noventa graus). É utilizado no locação da obra, na marcação das alvenarias e nos revestimentos de paredes, etc. A ferramenta empregada nesta operação é o esquadro, porém limita-se aos vãos pequenos. No caso das locações da obra utilizamos a relação do triângulo retângulo que são medidas marcadas em alinhamento nas proporções de 3:4:5.

Saiba mais  Como Fazer Alicerce de Casas? Aprenda Passo a Passo

Esquadro de 60 cm, 80 cm e 100 cm.

Esquadro de pedreiro

Prumada

Operação que consiste em posicionar numa direção vertical os elementos de uma construção. É utilizada na construção da fiada de blocos levante de parede aprumando os blocos iniciais e finais de cada fiada, na marcação das mestras superiores do reboco de uma parede, na obtenção de eixos de elementos estruturais de uma fundação, etc.

As ferramentas utilizadas para obter a prumada são: prumo de face e o prumo de centro.

Profissão de pedreiro: prumada de alvenaria

Unidades de Medida

Cálculo da Área:

O cálculo da área é obtido pelo produto (multiplicação) de duas dimensões (comprimento x largura).

Ex.: Para calcularmos a área de um quarto com as dimensões de 4 metros de comprimento e 3 metros de largura fazemos:
A (m²) área = 4m (comprimento) x 3m (largura). A= 12 m².

Cálculo do Volume:

O cálculo do volume é obtido pelo produto (multiplicação) de três dimensões (comprimento x largura x altura).

Ex.: Para calcularmos o volume de uma lata com as dimensões de 0,21 metros de comprimento, 0.21 metros de largura e 0,41 metros de altura fazemos: V (m³) Volume = 0,21m (comprimento) x 0,21m (largura) x 0,41m (altura). V = 0,018m³.

Pedreiro: unidades de medida

A Argamassa

É a mistura de cimento, areia e água com ou sem outros elementos como arenoso, saibro e a cal. É utilizada nas alvenarias, nas fundações de pedra, nos revestimentos de paredes, etc.

A resistência, a facilidade de trabalho, a qualidade das argamassas dependem da qualidade dos materiais empregados, de suas proporções (traços) e da quantidade de água na mistura.

Na pavimentação (pisos e contrapisos), no assentamento de piso cerâmico e azulejos, etc. devemos sempre preparar a quantidade de argamassa necessária para que não ocorra o endurecimento da mesma antes de secar a aplicação.

Devemos também utilizar as argamassas retiradas ou caídas das alvenarias ou revestimento se removidos sem sujeiras.

Saiba mais  Problemas na Construção Civil

O Concreto

O concreto é a mistura de cimento, areia, brita e água. É utilizado em elementos estruturais como vigas e pilares, em lajes, etc.

Agregados do concreto

A resistência do concreto aumenta com o aumento da quantidade de cimento que o constitui e diminui com o aumento da quantidade de água na mistura.

A qualidade e resistência do concreto dependem da dosagem dos materiais, da qualidade dos mesmos e também do preparo.

Devemos utilizar areia e brita de boa qualidade ( ver assunto de materiais de construção), adicionar apenas a água necessária a tornar o concreto mole e fácil de ser trabalhado, misturá-lo de forma a obter um material uniforme com partes iguais em toda a sua composição.

O preparo do concreto pode ser manual ou mecânico. Para preparar o concreto manual é necessário que se tenha uma área pavimentada com um piso cimentado ou com um lastro de madeira sobre o chão. O preparo mecânico é realizado por um equipamento chamado betoneira que é uma caçamba acionada por um motor elétrico ou a combustível, que gira misturando os componentes do concreto.

Traços

Chama-se de traço a relação ( em volume ou peso) entre as quantidades de materiais dos concretos e das argamassas. É representado por um número que indica a proporção de cada material que o constitui.

Ex.: traço 1:2:4 de cimento, areia e brita.

Preparo dos Traços

Medem-se as quantidades dos materiais em uma lata, balde ou padiola na proporção indicada pelo traço. Derrama-se sobre o local do preparo e mistura-se até obter uma cor igual em todas as partes. Nos concretos mistura-se primeiro o cimento e a areia, depois adiciona-se a quantidade de brita indicada pelo traço e distribui-se sobre a mistura de cimento e areia. Nas argamassas misturam-se o cimento, a areia e o arenoso.

Faz-se um buraco no centro da mistura e adiciona-se água pouco a pouco até obter uma mistura fácil de manusear e de ser moldada. Nos concretos abre-se uma vala na beira da mistura e adiciona-se água pouco a pouco.

Pedreiro: traços do concreto

Add Comment